Ministério Publico do Estado de Mato Grosso

EDUCAÇÃO

Audiência Pública discute fechamento de escolas rurais em Ribeirão Cascalheira

por ROSANGELA MILLES

terça-feira, 05 de fevereiro de 2019, 17h32

Em Ribeirão Cascalheira, município distante 886 Km de Cuiabá, alunos de assentamentos rurais gastam cerca de oito horas no trajeto entre ida e volta da escola. O motivo é que algumas unidades de ensino da zona rural estão sendo fechadas , obrigando os estudantes a enfrentarem trajeto extremamente exaustivo. O assunto foi discutido nesta segunda-feira (04), durante audiência pública promovida pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso.

De acordo com o promotor de Justiça Carlos Rubens de Freitas Oliveira Filho, aproximadamente 190 pessoas participaram das discussões. “Antes de realizar a audiência, visitamos as três principais escolas da zona rural. Conversamos com cerca de 10 famílias em suas casas, nos assentamentos, e também realizamos reuniões nas comunidades Primorosa e do Gengibre com a participação da Polícia Militar, Secretaria de Educação, professores, membros dos movimentos populares e pais de alunos”, esclareceu.

O objetivo da audiência, segundo ele, foi ouvir, registrar as demandas e queixas da população, bem como buscar soluções e alternativas a respeito do fechamento ou remanejamento das escolas rurais nas regiões Primorosa, Gengibre e Piabanha. Novas reuniões deverão ser realizadas nos próximos 30 dias na tentativa de alcançar uma solução consensual para o conflito.

Participaram da audiência pública diversas autoridades, entre elas, o Bispo da Prelazia de São Félix do Araguaia, Dom Adriano; a Comissão Pastoral da Terra, representantes da Seduc, da Escola Estadual e da zona rural e da Associação dos Parceiros do Assentamento Primorosa.
Compartilhe nas redes sociais
facebook twitter
topo