Ministério Publico do Estado de Mato Grosso

GAZETA

Ciopaer vai incorporar UTI aérea

terça-feira, 23 de julho de 2019, 09h43

DA REDAÇÃO

Com  um  helicóptero  e  um  avião,  há  13  anos  foi  implantando o Grupamen-to  Aéreo  de  Mato  Grosso  (Graer).  A  equipe  era  formada por 18 policiais que iniciaram  o  apoio  às  ope-rações  realizadas  pela  Se-cretaria  de  Estado  de  Segurança Pública (Sesp). Atualmente,  o  Centro  Integrado   de   Operações   Aéreas (Ciopaer) tem duas bases,   uma   em   Várzea   Grande  e  outra  em  Sorriso, possui 6 aviões, 3 heli-cópteros, mais de 90 poli-ciais   militares,   civis   e   bombeiros,   voando   uma   média de 1.600 horas/ano.

Para   celebrar   os   13   anos  da  unidade,  o  Ciopaer  entregou  43  medalhas  Aviação  da  Segurança  Pública  Mérito  Águia  Uno,  a  maior  honraria  da  unidade para personalidades  que  prestaram  bons  serviços  em  prol  da  aviação da segurança pública. A solenidade foi realizada na última semana no Palácio Paiaguás. O   governador   Mauro   Mendes  foi  um  dos  agraciados  com  a  medalha  e  anunciou  que  o  Cioaper  vai   incorporar   na   frota   uma UTI aérea, o que deve reduzir os gastos da saúde com  este  serviço.  “A  Secretaria Estadual de Saúde gastou  R$  14  milhões  só  de UTI aérea.

Nos primeiros  meses  do  ano  era  R$  1,5 milhão com UTI aérea, um  número  bastante  expressivo  e,  por  isso,  buscamos  criar  junto  ao  Ciopaer este novo serviço que ainda  será  incorporado  e  vamos  voar  com  o  custo  pela metade”. O   Ministério   Público   será um dos parceiros para a  implantação  do  serviço.  Por  meio  de  recursos  de  Termo  de  Ajustamento  de  Conduta (TAC), o órgão vai destinar R$ 800 mil para a reforma  e  transformar  um  avião  em  UTI  aérea.  “Isso  será    muito    importante,    pois  deve  gerar  uma  economia  ao  Estado  que  tem  um  custo  milionário  men-sal com o serviço”, disse o procurador-geral  de  Justi-ça, José Antônio Borges Pereira. (Com assessoria)

Compartilhe nas redes sociais
facebook twitter
topo