Seu navegador não suporta javascript!
Ministério Público do Estado de Mato Grosso
Página Inicial
 
Intranet
Acessar Intranet
MP na Mídia
20.10.17 10h09
Polícia prende assaltantes de residências
20.10.17 10h06
Valdir Piran se livra de tornozeleira
19.10.17 10h14
Em nota, Gaeco repudia as declarações do cabo
19.10.17 10h09
Juíza vai processar cabo da PM
19.10.17 10h04
Aniversário é lembrado com protesto e pedidos

Mais MP
Intranet
Acessar
Tamanho A A
ÁGUA PARA O FUTURO

Projeto utiliza tecnologia própria para identificar nascentes na Capital

Por CLÊNIA GORETH
Quinta, 10 de agosto de 2017, 10h35

O Projeto Água para o Futuro, desenvolvido pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso em parceria com outras instituições, continua identificando nascentes na grande Cuiabá. Além das 131 apontadas em pesquisa realizada pela Universidade Federal de Mato Grosso e Cab Ambiental, o projeto identificou recentemente 250 novas possíveis nascentes. Desse montante, 35 já foram confirmadas em apenas duas semanas.

O promotor de Justiça Gerson Barbosa explica que o trabalho de identificação é feito com base em estudo científico que reúne dados do solo, hidrografia, curvas de nível, imagem de satélite de alta resolução, georreferenciadas, mapa planialtimétrico, modelo digital de elevação, entre outras informações.

 “A análise é feita por profissionais especializados, em laboratório, mediante procedimento elaborado especificamente para esse fim, pelos técnicos do projeto Água para o Futuro. Depois de um estudo criterioso, a equipe sai a campo para a confirmação das possíveis nascentes”, destacou o idealizador e coordenador da iniciativa.

Além da identificação remota, o projeto conta com outro importante aliado: trata-se de um aplicativo que está possibilitando a participação da sociedade no trabalho de identificação das nascentes. Desenvolvido para os sistemas android e IOS, a ferramenta permite ao cidadão enviar fotografias diretamente ao  o Ministério Público. Após análise das imagens,  uma equipe técnica posteriormente fará vistoria no local indicado.

O aplicativo pode ser usado tanto para acompanhar o monitoramento de nascentes já identificadas e catalogadas, quanto para informar a descoberta de novas fontes de água. O objetivo do MPE e dos parceiros no projeto - Instituto Ação Verde e Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) -  é garantir o abastecimento de água para as atuais e futuras gerações, sendo fundamental, para tanto, salvar as áreas de preservação permanente e as nascentes.
 
Compartilhe nas redes sociais
e-mail facebook twitter


Confira também:
20.10.17 17h27 » MPE e Vigilância Sanitária realizam operação em estabelecimentos comerciais
20.10.17 15h52 » MPE, Senai e Conselho da Comunidade promovem cursos de qualificação em cadeia pública
20.10.17 15h26 » Justiça acata pedido do MPE e decreta indisponibilidade de bens de prefeito e secretária de Educação por fraude em licitação
20.10.17 15h25 » MPE reúne parceiros durante lançamento do projeto “Onde há educação, a corrupção não tem vez”
19.10.17 17h39 » Conselho Superior do Ministério Público divulga lista de inscritos em editais de remoção
19.10.17 14h45 » Madeiras utilizadas para construção de pesqueiros irregulares se transformam em parquinho infantil
19.10.17 13h49 » MPE entra com ação por falta de vagas para adolescentes que cometem atos infracionais graves
19.10.17 10h47 » MPE realiza curso para fomentar a atuação extrajudicial
18.10.17 18h00 » Instituições se articulam para criar mecanismo estadual de prevenção e combate à tortura
18.10.17 14h57 » MPE e parceiros lançam projeto “Onde há educação, a corrupção não tem vez” nesta quinta-feira (19.10)
18.10.17 14h32 » Gaeco defende legalidade de suas ações e diz ter “estranhado” depoimento de PM após STJ avocar investigação
18.10.17 14h18 » MPE celebra TAC para regularizar transporte coletivo urbano em Diamantino
17.10.17 10h01 » MPE e parceiros investigam origem da contaminação do Córrego Peraputanga
17.10.17 09h05 » Conselho Superior do Ministério Público divulga nove editais
16.10.17 13h05 » Após ação do MPE, prefeita de Juara tem bens bloqueados pela Justiça





youtube facebook facebook RSS







Galeria de Fotos
Mais Fotos
Entrevistas
Entrevistas
Buscar
Agenda e Eventos
Mais Agenda

Defender o regime democrático, a ordem jurídica e os interesses sociais e individuais indisponíveis, buscando a justiça social e o pleno exercício da cidadania.

» A Instituição » Teclas de Atalho » Corregedoria-Geral
» Acessibilidade » Projetos » Controle Interno
» Concursos » Departamentos » Gestão Ambiental - MP Sustentável
» Legislação » Licitações » Links
» Lotacionograma » Notícias » Órgãos Auxiliares
» Planejamento Estratégico » Portal Transparência » Procuradorias de Justiça Especializadas
» Publicações DOE » Todos Contra as Drogas » Terceiro Setor

Procuradoria Geral de Justiça

Rua Quatro, s/nº

Centro Politico e Administrativo - Cuiabá/MT

CEP: 78049-921

Fone: (65) 3613-5100


Sede das Promotorias de Justiça da Capital

Av. Desembargador Milton Figueiredo Ferreira Mendes, s/nº

Setor D - Centro Politico e Administrativo - Cuiabá/MT

CEP: 78049-928

Fone: (65) 3611-0600

Horário de atendimento ao público externo e protocolo: 08h às 18h

Ministério Público do Estado de Mato Grosso - Procuradoria Geral de Justiça